A Primeira Vez… (Parte 2: A Missao)

21 08 2009

E ae galerinha…

Bem vindos a mais um episodio da minha serie de desgracas pessoais que finalmente colocam um pouco de movimento neste blog, afinal todo mundo adora ver ler alguem se fodendo, e como eu sou mestre nisso quem sabe eu nao chego a ser famozo como o IzzyNobre a Lia ou a twittess (po, 500 conto por um tweet? eu faco o meu por 20 e ainda dou um digratiz a cada 10).

Entao como prometido no post anterior aqui vai o meu relato sobre a primeira vez que eu coloquei o meu menino pra brincar num playground de verdade ao invez de so ficar assistindo pela tv ou lendo em revistas…

E logico que antes da gente chegar nos finalmentes tem q rolar umas preliminares pra voces se situarem melhor anos se passaram desde o meu primeiro beijo e eu ja estava pegando o jeito da coisa, ja tinha me aventurado pegando em peitinhos bundinhas e ate desbravando o interior de algumas calcinhas…

Porem ainda me faltava a grande conquista, o santo graal adolescente, a razao por traz das inumeas horas de treinamento intensivo em 5×1… Me faltava colocar pra dentro!!

Eu tinha acabado de completar 18 anos e isso estava me preocupando mais e mais, quase me levando a optar pela saida mais rapida e juntar meus trocados pra bancar uma “ajuda profissional” no assunto.

Porem com o milagre da internet tudo que eu precisei foram algumas palavras e o momento ideal.

Eu conheci a menina pelo Odigo, um programa bem legal ate que te permitia encontrar pessoas online por cidade. O nome da menina era Meissa (Nao MeLissa, mas sim MeIssa) e ela morava em algum canto da zona leste de sampa (que tambem me forneceu meu primeiro beijo).

Papo vai papo vem a gente decide se encontrar no shopping tatuape e ver um filme. A descricao da menina seria algo parecido com o ronaldinho gaucho do pescoco pra cima e uma adriana lima do pescoco pra baixo, ou seja ela tinha um puta corpo porem pra colocar minhas maozinhas nele eu iria ter que encarar a cara dela e por ironia do destino mais alta do que eu!!

Visto o meu problema mencionado acima eu entrei em modo tatico: enrolar o maximo possivel pra nao rolar nada ate a gente entrar no cinema onde ninguem vai poder nos ver!!

A menina chegava junto e eu dava um jeito de me esquivar, parecia uma cena de luta em camera lenta e sem porrada. Uma vez dentro do cinema PIMBA eu avancei na desgracada como um pit-bull em uma crianca pentelha que deixou a bola cair no quintal errado.

Ai depois do filme papo vai papo vem a gente cai no assunto de sexo e ela praticamente me diz que nunca deu antes por falta de oportunidade. Eu sem pestanejar ja me transformei na oportunidade que ela esperava!

A coisa ficou combinada pra 2 semanas depois aproveitando que todo mundo estaria de viagem e eu teria a casa somente pra mim.

Bem, meu nervosismo e ansiedade eram tantos que eu nao consegui dormir bem na noite anterior, e com isso eu acordei bem tarde. Mal tive tempo de tomar um nescau e ja tive que ir buscar a menina na estacao ana rosa do metro… Ai que comecou a merda!!

Ela atrazou pouco mais de DUAS HORAS E MEIA!! Se nao fosse a minha vontade incontrolavel de perder o cabaco eu teria voltado pra casa pra jogar videogame e levando em conta que eu nao tinha comido nada ate entao eu estava morrendo de fome.

Porem a fome foi esquecida no momento que a menina chegou e minha mente se focou em cumprir a missao que me foi dada. Passada uma leve pegacao no busao de volta pra casa a chegada na minha casa foi digna de cena de filme, tirando eh claro a desenvoltura do casal. Em meio as pecas de roupas tiradas rolaram umas tropecadas, cabecadas e pausas demoradas para se desvenciliar das pecas mais complicadas.

Enfim estamos os dois peladinhos na minha minuscula cama de solteiro com problema no estrado (que causava um barulho gigante se eu respirasse muito forte, imaginem voces durante o ato…) prontos para consumar o ato!!

Nota: Desnescessario dizer que assim como o meu primeiro beijo eu tambem fiz questao de falar pra menina que eu conhecia 249 posicoes do kama sutra e era proficiente em sexo tantrico.

Passadas as peliminares envolvendo inclusive uma camisinha de chocolate, era entao chegada a hora do grand-finale, momento que foi claramente diferente dos pornos que eu costumo(ava) assistir:

– Ai, ai, ai para!

Paro, espero…tento de novo

– Ai, ai, ai…ta doendo…tira, tira!!

Para, espera…e la vamos nos de novo

– Ai, ai, tira, pera, para, ta doendo…

Ao contrario dos atores dos filmes essa coisa de sexo estava me saindo muito complicada, porem depois de uma novela de ais e uis eu finalmente estava pegando o jeito da coisa, eis que…

A PORRA DO CARALHO DO TELEFONE TOCA!!

Eu resolvi nao atender, porem o infeliz nao parava de ligar, entao eu atendi somente para descobrir que do outro lado da linha se encontrava o meu melhor amigo e companheiro de aventuras o G8ncha… A conversa prosseguiu mais ou menos assim:

-Alo!!

– Fala tio, po vc nao atende o telefone… eu ia te chamar pra…

-EU TO METENDO PORRA!!!! (desligando o telefone em seguida)

Eis que neste momento de distracao  meu estomago resolve me lembrar que a falta de comida porera resultar em um desligamento das minhas funcoes motoras, porem eu nao queria parar por ai e ir comer um miojo pra depois voltar…

E la estava eu socando a piroca na coitada como um coelho no cio tentando gozar antes do sinal da bateria ir pro vermelho quando ela me fala:

– Feeee…faz oral?!

-Po, daqui a pouco eu faco, eu to concentrado aqui

-Faz oral

-Pera

-Feeeeee….faz oraaaaaaallllllll

-EU TO METENDO PORRA!!!

Nota: Neste dia que eu descobri que as minhas habilidades linguisticas sempre vao ser superiores as minhas habilidades perfuratorias… (pensando no lado bom da coisa eu posso ser uma lesbica!!)

Depois de tanto insistir e vendo que se eu continuasse no ritmo que estava eu iria precisar de soro na veia eu resolvi atender o pedido da menina e fazer justica com as proprias maos pra encerrar o dia…

Fato consumado minha mente so conseguia pensar em duas coisas:

1- Eu tenho que comer algo, qualquer coisa, puta merda que fome!!

2- Eu tenho que ligar pro G8ncha o mais rapido possivel e contar tudo!!

Com essas diretrizes em mente eu me vesti prontamente e tratei de despachar a menina no primeiro ponto de onibus disponivel prometendo ligar e mandar e-mail falando que tudo tinha sido lindo e maravilhoso.

CORREPRACASA/ABREOARMARIO/PEGABISNAGUINHA/LIGAPROG8NCHA….

-Tio?

-AEEEGH EUHF METHIII EUGHF METHIIII…. (mastigando e pulando pela casa)

-Voce o que??

-(engole) EU METIIIII TIO, COMI, FUDI, COPULEI, MOLHEI O BISCOITO!!

– Aeeeeee!!!!

– AEEEEEEEEEEE!!!

– Mas e ae? vc quer vir aqui jogar saturno?

– Porra, so quero, deixa so eu terminar de comer!!

…3 meses depois

Meses se passaram e eu nem lembrava mais da menina ate um dia quando eu chego em casa e dou de cara com a Dona Angela (tambem conhecida como mae)…

-Fala Dona Angela, cheguei

-Oi felipe (tom seco e direto), tudo bem com voce??

-Tudo…erm…que paso?!

-Voce conhece uma menina chamada Meissa??

Neste momento exatamente ao mesmo tempo meu cu fechou, meu coracao pulou pela boca e a minha alma decidiu abandonar o meu corpo…

-erm…sim…erm…porque? (fodeufodeufodeufodeufodeufodeu…!!)

-A mae dela me ligou hoje

-(…fodeufodeufodeufodeufodeu…) Armm…E o que que ela queria? (…fodeueuvouserpaifodeueuvouserpai)

-Voce sabia que ela tem 15 anos???

-15?????

Resumindo:

-A menina tinha me dito que tinha 17 quando na verdade ela tinha 15 (depois dessa so vou pra cama se mostrar rg, certidao de nascimento autenticada e titulo de eleitor)

-Provavelmente ela deu pra meio mundo depois de mim e acabou gravida

-O pai dela queria me matar e me fazer casar com ela (nao nescessariamente nesta mesma ordem)

Pra minha sorte a Dona Angela eh foda e ninguem mexe com os filhos dela, a gente sentou e conversou procurando juntar o maximo de evidencias ao meu favor (os chats, o fato de que ela fumava escondido e a dita camisinha de chocolate…) e em seguida ela ligou pra mae da menina:

-Oi (sei la o nome da mulher), aqui eh a Angela… Eu conversei com o meu filho

-Ah eh? E o que ele te disse?

VAI TER QUE CASAR!! VAI TER QUE CASAR!! (o pai gritando ao fundo)

– Bem ele me contou a historia toda e eu acho que sua filha nao esta sendo honesta com voce

-Olha aqui, ele errou e agora vai ter que assumir o erro porque… (VAI TER QUE CASAR VAI TER QUE CASAR!!)

– A senhora sabia que a sua filha fuma??

-…ele foi ho…O QUE?????!!!! (seguido de uns berros incompreensiveis e a tal da menina chorando e pedindo desculpas antes da mulher desligar o telefone)

Bem se nao fosse a Dona Angela eu nao sei como que eu me sairia dessas…mae eh foda mas a minha eh FODONA!!

Agora eu me vou porque sao 3:16 e eu trabalho amanha!!

Anúncios

Ações

Information

5 responses

21 08 2009
Vy

HAHAHAHAHAHAHAHA, o q seria de vc sem d. Angela, hein! Ela merece post especial!

23 08 2009
Ed

Boa cara, adorei o post.

Por que tu não faz um sobre o dia que o senhor adentrou o território americano? 😀

23 08 2009
Paulo

mãe é sempre mãe \o/

26 08 2009
Felipe

ahauhauhauahuhauahuaha
caralho… a gente eh mais clone q eu pensava… te conto por msn!

12 12 2009
TolfWhoggette

Awesome, I didn’t know about this topic till now. Cheers!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: