Situacoes comicas – A primeira vez…

26 07 2009

Todo mundo diz que a primeira vez a gente nunca esquece…

Primeiro bejo, primeira vez, primeiro carro… toda vez que nos deparamos com uma situacao ha muito esperada e sobrevivemos pra contar a historia o momento fica marcado em nosso cortex cerebral pra toda a vida. Essas sao as historias que voces vao contar pros seus filhos e netos, sao lembrancas guardadas com carinho ate o nosso ultimo suspiro…

…e como na minha vida nada, por mais simples que seja, sai como planejado essas situacoes acabam virando grandes historias pra eu contar pros amigos e arrancar rizadas dos mesmos…

Meu primeiro beijo aconteceu quando eu tinha la meus 13, 14 anos. Como todo adolescente nesta idade minha vida se resumia a jogar videogame, escola, punheta e dormir. No entando meu interesse pelo sexo oposto tinha aumentado de uma forma gigantesca nos ultimos 2, 3 anos…

As amiguinhas da escola passaram de versoes cabeludas dos seus amigos que ao inves de brincar de comandos em acao gostavam de barbie, a provaveis futuras capas das revistas de mulher pelada que voce via escondido (ok nem todas, mas vcs entenderam a ideia). Aquela menina que vc nem olhava no ano anterior agora desfilava orgulhosamente um par de peitinhos dos quais voce nao consegue tirar os olhos… pior que cachorro na frente de padaria!

Os seus amiguinhos mais espertos comecam a dar seus beijinhos aqui e e ali e voce so chupando o dedo… eis que um dia quando voce menos espera pinta aquela oportunidade de ouro de uma menina se interessar em um loser como eu voce!

No meu caso essa oportunidade veio durante uma festa de um moleque do predio em que meu pai morava, a festa ia ter em sua maioria criancada na faixa dos seus 10 anos pra baixo, quando que eu ia imaginar que o meu primeiro bejo ia rolar justamente numa situacao improvavel como esta??

Um fator interessanta pra resaltar aqui eh que assim como a grande maioria dos moleques da minha idade eu nao somente era porco como metido a besta. Meu pai chega no banheiro enquanto eu to tomando banho e fala:

– O cascao, ve se lava essa cabeca!

– Lavar a cabeca pra que? nem vai ter mulher na festa!! (falou ae comedor…)

Nem preciso falar que assim que eu entrei no salao de festas do predio eu dei de cara com a menina que iria virar meu primeiro beijo, neste momento me bateu uma imensa vontade de subir e lavar a cabeca, so pra garantir… porem como eu nunca fui de me iludir eu pensei comigo mesmo “bah, ela nao vai nem querer saber de mim…”.

O nome da menina era Daniela, e apesar de ser um ano mais nova que eu, ela era pelo menos uns tres anos mais esperta.

A gente ficou no gira gira com a criancada disputando um jogo de quem aguentava por ultimo com a gente girando aquele negocio em potencia maxima. Voa um pivete pra um lado, outro passa mal, outro chora e no fim so sobrou eu e a menina. Nenhum dos 2 dispostos a dar o braco a torcer a coisa virou uma especie de disputa/flerte onde ao mesmo tempo que um queria prevalecer sobre o outro, a gente tambem nao conseguia desgrudar os olhos um do outro.

No fim foi declarado um empate, afinal se a gente continuasse eu acho que nenhum dos 2 iria ter condicoes estomacais de beijar ou sequer fazer qualquer coisa que nao for chamar o Hughoooooohhh….

Entao ficamos os 2 no gira gira parados, conversando… nao sei como eu nao so superei minha enorme timidez em conversar com mulher, mas tambem eu tinha assunto pra kct… obrigado instinto reprodutivo!!

Nao me perguntem o papo que a gente levou porque foi puramente instintivo, meu cerebro usando de toda sua potencia pra nao me deixar cagar essa oportunidade. Eis que a molecada percebendo o nosso entrosamento comecou a fazer o que um bando de criancas nos seus 10 anos faz quando ve um menino e uma menina proximos sem estarem puxando o cabelo um do outro…

-TA NAMORAAANDO, TA NAMORANDOOOO BEIJA BEIJAAA

Isso voltou toda a atencao dos outros pivetes pra mim e pra menina, o que acabou me ajudando, porque alem de deixar claras as minhas intecoes tambem me deu uma desculpa pra ir pra um local mais reservado longe da pivetada…

E la estamos nos atraz do predio, meu coracao parecendo que ia pular do peito, adrenalina a mil, e a menina pergunta:

– Voce ja beijou antes?

– (eu dando uma de macho) L-O-G-I-C-O!! VARIAS…UMAS 5!! e voce?

– Ah, sei la…uns 15 acho

Se nao fosse somente a experiencia da menina que ja devia ter sacado que eu era BV, mas tambem tinha o fato de que ela era mais alta que eu!! (Murphy me ama!!)

Entao chegada a hora do vamos ver…ela encosta na parede e fica mais ou menos da minha altura, eu olhando pra boca dela, coracao palpitando, pau duro… vou chegando perto, perto, perto…

…e volto!! Minha timidez escolhe justo este momento pra me lembrar que eu sou um loser. Eu tento me acalmar e tento mais uma vez, e outra, e outra…

O processo todo entre ir pros fundos do predio ate o beijo demorou acho que uns 30 minutos, a menina tinha uma paciencia infinita, mas finalmente eu retomei controle feichei os olhos e parti pra cima!!

…E BEIJEI A PORRA DO QUEIXO DA MENINA!!!

Se eu ja nao estava me sentindo loser o suficiente antes, agora entao eu pensei…fodeu!! Porem, sei la o que se passava na cabeca da menina ela resolveu me dar mais uma chance, e essa eu nao fiz feio!

Resolvida a situacao do beijo eu me senti confiante o suficiente pra partir pra fase 2 da operacao. Olhei firmemente nos olhos dela, e com uma voz mascula e segura eu disse:

-eu…erm…po-posso…erm…pos-so..erm…p-pegar…hmm…no…seu…erm..p-p-p-peito?

ela vira com a maior cara de cu do mundo e fala:

– se nao for arrancar pedaco!

E la fui eu pegar no peito da menina… eu basicamente coloquei a mao la e fiquei com ela parada, pau duro, delirando com esta mais nova sensacao.

Dados mais uns beijos chegou o momento de falar tchau e eu logicamente nao queria perder a boiada e tratei de tentar arrumar mais um encontro:

– po, vamos nos ver de novo

-erm…eu moro longe, vai ser dificil pra voce

– nao tem problema, busao e metro servem pra isso!! onde voce mora?

– arthur alvin

– ah bele, tem estacao de metro la… a gente marca semana que vem e se encontra!!

-erm…ta…ok…

Pros que nao conhecem sampa, me permitam elucidar o porque da inseguranca da menina…

Eu cresci na vila-olimpia, um bairro de classe media alta

E a menina morava em arthur alvin, que parece com a imagem abaixo:

..Nao deu outra! Eu desci todo arrumadinho do metro, passei pela catraca, olhei em volta, dei meia volta e fui o mais rapido possivel pra casa!!

Eu cheguei a encontrar a menina alguns meses depois e rolaram mais uns beijos…mas essa primeira vez foi impagavel!!

No proximo post eu conto sobre a minha primeira trepada!! ate mais galerinha!!

Anúncios

Ações

Information

12 responses

26 07 2009
Marco

Ok..Agora os créditos da foto da Vila Olimpia, nada né? ahahaha
Essa foto é minha p*rra!

abrass!

26 07 2009
Angela

Pim… vc me mata de rir…

26 07 2009
Vy

HAHAHAHA, ela realmente tava afim de você. 30 minutos??? Beijar o queixo??? Afff…

26 07 2009
Paulo

Tenor, vejo que as minhas dicas de post com fatos fodásticos da vida esta dando resultados AHAHA, belo post

14 08 2009
fgutierry

cara sou se fan

…E la fui eu pegar no peito da menina… eu basicamente coloquei a mao la e fiquei com ela parada, pau duro, delirando com esta mais nova sensacao….

passei mal kkkkkkkkkkkkk

14 08 2009
felipetenor

hahah valeuz…leu o post novo??

21 08 2009
A Primeira Vez… (Parte 2: A Missao) « Raciocínio caótico não ortodoxo

[…] como prometido no post anterior aqui vai o meu relato sobre a primeira vez que eu coloquei o meu menino pra brincar num playground […]

7 01 2010
Fábio

NÃO ENTENDI MUITO BEM….
VC QUIS DIZER QUE VC É DE CLASSE MÉDIA/ALTA, MAS FOI AO ENCONTRO DE METRÔ ???
QUE POBREZA !!!
ALIÁS, VC DEVE MORAR NA VILA OLÍMPIA NA DEPENDÊNCIA DO PAPAI OU DA MAMÂE…KKKKKKKKKKKKKKKKKK

7 01 2010
felipetenor

Sim felizmente eu posso dizer que tive a sorte de nascer em uma parte digamos menos sofrida da população brazileira porem:

1- Nao sei se essa lei ainda existe por ai, mas no meu tempo voce so podia dirigir depois dos 18 anos, os acontecimentos narrados no post se passaram quando eu tinha la meus 13, 14 anos como inclusive eu cito no proprio post “Meu primeiro beijo aconteceu quando eu tinha la meus 13, 14 anos…” ou seja, seria impossivel ou pelo menos ilegal para mim dirigir ate arthur alvin com esta idade…

2- Eu morei na vila olimpia dos meus 6 meses ate os 23 anos e acompanhei a evolucao de um bairro residencial desconhecido para o hoje conhecido “bairro de boy”. Vivi as custas da mamae somente porque o papai nunca foi la muito util… Hoje em dia resido nos eua onde dependo de mim mesmo ja tem quase 5 anos.

3- Nao sei porque o seu desdem para com transporte publico, eu sempre adorei utilizar ele desde quando morava ai, aqui em chicago onde resido atualmente a maioria da populacao utiliza de transporte publico para se locomover pela cidade, eh muito mais uma questao de consientizacao que “pobreza”

Bem espero que tenha conseguido elucidar suas questoes a respeito do meu post e se tiver um tempo leia os outros que sao tao diverdidos quanto…

18 06 2010
joel

é. . . como dizem? Pimenta no c* dos outros é refresco.
Se é um morador da Z/L pegando metrô, é pq é pobre,
agora se é um playba, é opção.
Conta outra, vai ¬¬

10 10 2010
1234567890

kkkkkkkkkkkk muito maluco! cara,a primeira vez q beijei eu tinha 12 anos,foi no colégio,eu nem fiquei tão doido assim e que bom q a mina e do meu tamanho soq e 2 meses mais nova acho,enfim eu tava andando com ela e a amiga dela por o colégio,até que chegamos num corredor e o irmão da amiga dela chego e elas duas tinham que ir ai uma desceu primeiro e a otra olhou pra min me encostou na parede e me deu… um selinho(¬¬)deixando eu querer mais.Fiquei doido claro,isso é normal. no otro dia ela pediu pra ficar cmg e eu aceitei(óbvio) ai ela me deu um beijo de lingua(uns) e eu começei a ficar com ela por muito tempo e agente começou a namorar…passado uns 6 meses agente ainda namorando foi assistir um filme (nós três,a amiga dela tbm e legal e eu nao ia sozinho com ela pq ninguem podia saber de nada) dessa vez a unica coisa q ela fez foi pegar na minha mão(só,infelizmente) mas da segunda (nós três de novo) fomos assistir um filme 3D(o bom do 3D é que ta todo mundo de óculos e distraido entaum não percebe nada) ai ela começou segurando minha mão e depois eu botei a otra também e comecei sósentindo a vontade de a proveitar a situação e coloquei a otra mão na barriga dela e fui aproximando do peito e pegando so um pouquinho,aí ela percebeu as minhas intenções e pegou a minha mão e colocou em cima do peito e botou sua mão em cima,apertando levemente, daí segurou uma mão com as duas e me dando liberdade para explorar a região,foi ótimo!

10 10 2010
1234567890

kkkk eu moro em são paulo tbm e a vila olimpia,kkkkkkkkkk,eu sou adulto e o negosso do filme 3D eu so tava tirando onda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: